2ª Semana Interna de Prevenção a Acidentes de Trabalho - SIPAT – CIPA gestão 2016 - 4º dia

sexta, 11 de novembro de 2016.

Quinta-feira 10/11/2016 – Quarto dia:

Palestrante Juliano Scapin.

A primeira palestra da quinta-feira, da 2ª SIPAT – FATEC, teve como tema Economia Doméstica com o bancário e estudante de administração, Juliano Scapin.

O palestrante iniciou sua explicação a partir de um exemplo extraído da Bíblia, citando José do Egito, que profetizou ao Faraó, após fazer a interpretação do sonho do soberano, onde ele viu vacas gordas e magras, e não entendeu do que se tratava.

Então, José interpretou para o Faraó que se tratava de sete anos de fartura e sete anos de resseção. E a resposta para a superação do problema seria poupar e aproveitar ao máximo os recursos que tinham, estocando os alimentos nos tempos mais fartos.

Quando ocorreram os sete anos de seca e dificuldades, todos foram beneficiados, pois ninguém passou por grandes dificuldades já que, souberam otimizar o que guardaram nos tempos de fartura.

Este exemplo segundo Juliano, pode ser aplicado nos dias atuais, não gastando mais que se recebe, comprometendo todo o seu rendimento mensal, e que é sempre possível poupar mesmo que pouco. Juliano mostrou de forma simples, fórmulas para executar no cotidiano e mudar os hábitos de consumo desenfreado, priorizando o consumo consciente e ensinando a poupar, garantindo uma vida financeira mais segura e tranquila.

Os 4 P”s da das finanças pessoais:

Planejar – “Se você falha em planejar, está planejando falhar”
Observar - Equilíbrio no orçamento,
Gastos essenciais – 50%
Outros – 30%
Poupar – 20%

Podar – Despesas desnecessárias,
Cartão de crédito
Consórcio x financiamento

Pagar – em caso de juros altos, opte por pagar as contas com juros mais altos.

Poupar – “Quem entende de juros ganha, quem não entende paga”!

Diversificar – Poupança, LCI, LCA, Tesouro direto, Previdência Social (privada), Fundos DI, Ações. O futuro administrador ressaltou a fórmula inventada por ele, para que toda pessoa melhore suas condições financeiras, saindo do aperto.

O processo é simples: PLANEJAR, PODAR, PAGAR, POUPAR, os 4P’s. E terminou sua explanação com a frase que segundo ele, alerta para os novos hábitos. “O dinheiro não respeita a nossa falta de educação com ele”! Ricardo Melo

Ginastica Laboral.

Após a primeira palestra tivemos a presença do educador físico Mathias Castro Alves, da Unimed, que aplicou a ginástica laboral.

Antes do intervalo do coffe break a palestra foi sobre Primeiros Socorros, com o enfermeiro Leonardo Orsolin que ressaltou os cuidados imediatos que se deve ter com pessoas que sofrem traumas, salientou que o tempo é uma questão de vida, e a importância da verificação da cena onde se encontra o paciente em caso de acidente, para que não piore a situação resultando em mais feridos.

O cuidado começa pela avalição do nível de consciência para iniciar a ressuscitação, verificando os sinais e prestando os primeiros socorros.

Os principais órgãos para o cuidado imediato são: cérebro, coração e pulmão.

O protocolo de ressuscitação tem como observância:
C – CIRCULAÇÃO
A – VIAS AÉREAS
B – RESPIRAÇÃO
D – DESFIBRILAÇÃO

Equipe CIPA.

O enfermeiro explicou de que maneira são realizadas as ações de salvamento.
COMPRESSÃO TORÁCICA
ABERTURA DAS VIAS AÉREAS
REALIZAÇÃO DAS VENTILAÇÕES

O enfermeiro explicou a necessidade de observar a idade do paciente, as condições em que se encontra, para que seja feito o atendimento correto, eficiente que assegurará a vida plena do acometido por mal súbito ou acidente e em caso de demora no atendimento, o paciente poderá morrer ou ficar com grandes sequelas,

Leonardo comenta que antes de fazer uma ressuscitação ou salvamento a pessoa precisa saber realizar os procedimentos corretos, no caso de não poder fazê-lo chamar imediatamente ajuda ligando para o SAMU, os bombeiros ou profissionais da saúde.

Kelly Martini – MTb 137.25
Assessora de Imprensa da FATEC