Projeto do LAGEOLAM do CCNE – UFSM promove pesquisa nas áreas de geologia, geotecnia e meio ambiente.

segunda, 24 de abril de 2017.

O projeto “Estudos técnicos nas áreas de geologia, geotecnia e meio ambiente”, é coordenado pela professora Drª em Geologia, Andréa Valli Nummer e uma equipe de: professores doutores, Luís Eduardo de Souza Robaina e Romário Trentin, servidores administrativos: Ronaldo Machado da Fontoura e Rômulo Aragonês Aita e alunos de graduação e pós-graduação, para a execução das ações do projeto.

O estudo tem como parceria o Laboratório de Geologia Ambiental /LAGEOLAM do Departamento de Geociências – CCNE-UFSM, e tem como objetivo e ação de promover a pesquisa, a extensão e a prestação de serviços geológicos, geotécnicos, geográficos, de meio ambiente e transferência de tecnologia para empresas e órgãos públicos municipais, estaduais e federais.

A importância do projeto vem da necessidade de estudos e pesquisas  relacionados a  solos e rochas com comportamentos geológicos-geotécnicos diferenciados e que podem acarretar problemas nas obras civis, que podem ser:  ocorrência de desastres naturais que tem aumentado nas áreas urbanas; a necessidade de laudos técnicos e avaliação de rochas para uso na engenharia; capacitação de pessoal técnico que atua nos diferentes órgãos públicos para avaliação de desastres e trabalhos em ambiente SIG. Além destes, justifica-se a necessidade de transferência de conhecimento cientifico e tecnológico à comunidade e órgão públicos e privados por meio de cursos, palestras e eventos científicos.

Os princípios da pesquisa estão baseados no estimulo à investigação e campanhas de ensaios de campo e laboratório, controle tecnológico de materiais utilizados em obras civis, cursos de extensão e técnicos, organização de eventos científicos entre outros. Os procedimentos metodológicos a serem desenvolvidos neste projeto poderão incluir:

- Trabalhos de campo para pesquisa e laudos técnicos e científicos na área de meio ambiente (avaliação de impactos ambientais, laudos geológicos) e geotecnia;

- Caracterização petrográfica de amostras de rocha com confecção e descrição de lâminas petrográficas com uso de microscópico;

- Caracterização física e de erodibilidade de solos;

- Interpretação de difratogramas de Raios-X;

- Caracterização estrutural de maciços rochosos;

- Avaliação de jazidas;

- Inventários e Estudos de áreas de risco geológico-geomorfológico;

- Assessoria na escolha de áreas para disposição de resíduos sólidos domésticos e de áreas para disposição de resíduos perigosos entre outros;

- Caracterização de jazidas de solos e rochas para uso em engenharia;

- Promover cursos de extensão e capacitação no uso de geotecnologias e de avaliação de risco geológico-geotécnico;

- Promover eventos científicos como seminários, simpósios, congressos entre outros;

- Elaboração e/ou atualização de bases cartográficas municipais;

A coordenadora Andréa comenta o auxílio prestado pela FATEC de forma eficiente. “Na parte da execução financeira do projeto, o que permite, aos pesquisadores, voltarmos nossa atenção somente para as atividades que estamos desenvolvendo no momento. A maneira como o projeto é executado nos permite agilizar pagamentos como bolsas para alunos, diárias, passagens etc, o que facilita muito o nosso trabalho", salienta com satisfação a pesquisadora.  

Kelly Martini – MTb 137.25
Assessora de Imprensa da FATEC