FATEC - A AGITTEC incentiva o desenvolvimento e a manutenção de recursos em projetos realizados na UFSM

A AGITTEC incentiva o desenvolvimento e a manutenção de recursos em projetos realizados na UFSM

Postado em 24/08/2017.

A FATEC sente-se prestigiada em ser parceira da AGITTEC, referência como Agência de Inovação no sul do país entre as Universidades Públicas, que tem como seus coordenadores de núcleos os dinâmicos colegas com visão empresarial, Professores Tiago Bandeira Marchesan, Hélio Leães Hey e Silon Junior P.da Silva 

A Agência de Inovação e Transferência de Tecnologia - AGITTEC surgiu em 2015 na Universidade Federal de Santa Maria –UFSM com a finalidade de substituir e agregar outras atividades que até então eram realizadas pelo Núcleo de Inovação e Transferência de Tecnologia – NIT. A criação da AGITTEC passa por uma redefinição das atividades de proteção de propriedade intelectual, transferência de tecnologia e empreendedorismo, tornando-se uma estrutura pró-ativa de inovação na UFSM.
Fachada da AGITTEC localizada no interior do Parque de Exposições - UFSM 

A AGITTEC busca ampliar e intensificar as iniciativas institucionais voltadas à disseminação da cultura e educação empreendedora. A estrutura organizacional da AGITTEC é formada por uma Secretaria Executiva, uma Coordenadoria de Empreendedorismo, uma Coordenadoria de Transferência de Tecnologia e uma Coordenaria de Propriedade Intelectual. A AGITTEC, tem se tornado referência como Agência de Inovação no sul do país entre as Universidades Públicas.
Ao final de 2016, a Confederação Brasileira das Empresas Juniores (Brasil Junior) lançou a primeira edição do índice das Universidades Empreendedoras e a proposta era mostrar quais destas eram as maiores incentivadoras do empreendedorismo no país, dentro e fora da sala de aula. A Universidade Federal de Santa Maria – UFSM está em oitavo lugar no ranking nacional e em primeiro lugar entre as universidades da região sul do Brasil.
A AGITTEC é responsável por incentivar a cultura do empreendedorismo fortalecendo a transferência de tecnologia com foco nas relações universidade – empresa e protegendo o conhecimento e as tecnologias geradas pela UFSM.
Equipe que trabalha na AGITTEC - Professores Silon Junior Procath da Silva, Tiago Bandeira Marchesan e Hélio Leães Hey e alunos.
A AGITTEC possui núcleos e coordenadorias:
Propriedade Intelectual (PI): com objetivo de proteger o conhecimento gerado na UFSM. A análise leva em consideração o potencial de inovação e tecnologia como estratégia de apoio à gestão da inovação na UFSM. O coordenador de PI é o professor Hélio Leães Hey
Responsável pela gestão da propriedade intelectual e atua na área de registro e proteção:
Invenção (patente);
Programa de computador (software);
Topologia de circuitos integrados;
Marca;
Cultivar.
Transferência de Tecnologia (TT): possui a responsabilidade de negociar tecnologias, dar subsidio ao pesquisador na efetivação de projetos de parceria e fomentar a transferencia de tecnologia na UFSM. Atua auxiliando o pesquisador sendo o elo de ligação entre os parceiros interessados em tecnologia.
Tem como coordenador o professor Tiago Bandeira Marchesan
Responsável entre as competências destacam-se os seguintes  
Termos de parceria;
Compartilhamento de infraestrutura;
Licenciamento;
Contrato de prestação de serviço especializados.
Empreendedorismo: é responsável pelas políticas de estímulo ao empreendedorismo, na criação de empreendimentos de base tecnológica. Realiza o gerenciamento da Pulsar – Incubadora Tecnológica da UFSM.
O seu coordenador é o professor Silon Junior Procath da Silva
São suas atribuições
Programa de Pré- Incubação;
Programa de Incubação;
Suporte a Empresas Juniores da Instituição;
Programa de Estímulo ao Empreendedorismo Inovador.
 
O projeto denominado “Gestão da Política de Inovação da Agência de Inovação e Transferência de Tecnologia para o fortalecimento das ações de proteção da propriedade intelectual, empreendedorismo e transferência de tecnologia” écoordenado pelo professor Dr. Tiago Bandeira Marchesan que explica como funciona o trabalho que consiste em estimular e prospectar a transferência de conhecimentos e tecnologias geradas na UFSM para as organizações e empreendimentos voltados ao desenvolvimento e produção de bens, processos e serviços inovadores. O coordenador conta com o auxílio dos técnicos administrativos: Lauren Peres Lorenzoni e Andiel Lucas Ortiz em sua equipe, e o projeto tem como objetivo tornar a AGITTEC uma estruturaautossustentável no sentido de utilizar seus recursos financeiros provindos de licenciamentos de tecnologias para o próprio uso em seus processos e serviços. Isto foi possível graças à Lei de Inovação de 2016 que prevê que um projeto pode gerir a política de inovação da universidade e, ainda, os recursos gerados pela universidade no âmbito da transferência de tecnologia devem ser revertidos a políticas institucionais de inovação. O projeto conta ainda com alunos e bolsistas de graduação, mestrado e doutorado dos vários cursos da UFSM.
O professor Tiago, coordenador do projeto, cita ainda que desde a criação da AGITTEC a mesma tem trabalhado em parceria com a FATEC, que é o ente principal para que os projetos de transferência de tecnologia possam ocorrer na UFSM. Sem a FATEC seria impossível pensar e constituir a AGITTEC. Este projeto é mais um exemplo da importância da FATEC na gestão financeira dos projetos da UFSM.
Kelly Martini – MTb 137.25
Assessora de Imprensa da FATEC 




Ver todas Notícias.

Desenvolvido por Fernando Denardin